28 de dezembro de 2014

Nada é em vão, tudo vem para ensinar ...


Então...

Aqui estou eu de volta, e como uma típica libriana, não poderei deixar de contar pra vocês, um pouco do meu ano de 2014, dos momentos que vivi e dos aprendizados que obtive neste ano tão tumultuado.

Comecei o ano muito bem, fui conhecer Porto Seguro, uma viagem que a muito tempo eu estava afim de fazer, fui viajar com duas amigas, ficamos uma semana, e aproveitamos muito, foram vários passeios, muitas fotos, um sonho mesmo, confesso que até voltaria, afinal de contas, sempre fica algum lugar que não dá tempo de conhecer. Retornamos uns dias antes do Carnaval, e como já havia viajado, resolvi ficar um pouco com a família e os amigos, na minha cidade natal, final das férias, aproveitei e passei o Carnaval lá mesmo, nada de muito especial, mas a diversão rolou solta. Adorei

Março, volta das férias, volta ao trabalho, e como eu digo, vida que segue...
Mas infelizmente as coisas não saíram como eu imaginei, final do mês uma surpresa, pois é, fui DEMITIDA, meu mundo desabou. Após 10 anos, e do "nada" este rompimento, na verdade não foi bem assim, mas prefiro nem comentar os detalhes. Uma vida, muitos sonhos realizados, alguns amigos, mas tudo acabou.

Como dizem, na vida temos ciclos, tudo tem um tempo para durar, acho que o meu ali naquele lugar já era.
Vivi muitas coisas boas, mas também muitas coisas ruins, encontrei pessoas falsas demais, ruins, malvadas.  Foi difícil, muito difícil mesmo, após anos de uma rotina e de convivência, tive que me adaptar a uma nova rotina, por um lado isso foi até bom...minha mente agradeceu.
O que me salvou mesmo, foi que estava pertinho da minha formatura, então me dediquei ao TCC e a faculdade, consegui me distrair um pouco...
Em Setembro minha Formatura, um grande sonho, amigos, familiares, pessoas muito especiais estiveram comigo, nem acreditei, que após um momento tão difícil, graças a Deus eu estava feliz de novo.
Deste momento em diante tudo foi se tornando mais difícil, os ciclos foram se encerrando, muitas pessoas afastadas, veio à solidão, o desemprego, fase muito difícil mesmo.
Quase desabei, mas fui em busca de ajuda, de amparo, resgatei uma fé e uma força que eu nem sabia que tinha, por alguns momentos tive medo da depressão aparecer, ela se aproximou, mas eu fui mais forte desta vez.
Busquei a religião e segui em busca de emprego, de uma maneira de seguir.
Afinal de contas comecei o ano muito bem, depois veio o desemprego, a formatura, a solidão, muitos momentos difíceis e eu não poderia me deixar abalar.
Enfim. este foi meu ano de 2014, graças a Deus que acabou, e eu posso dizer que tudo o que aconteceu neste ano, serviu como aprendizado na minha vida, aprendi principalmente a não confiar tanto nas pessoas, nos sorrisos e nos abraços, que amigo de verdade é coisa rara e muito difícil de se encontrar.
Acho que o que mais doeu não foi perder meu emprego, mas foi descobrir que no meio de tantas pessoas que eu considerava "amigos", tinham tantos inimigos...

#VIDAQUESEGUE
Postar um comentário