7 de outubro de 2013

35 anos...


Então amigos, depois de tanto tempo sem escrever, hoje eu tomei coragem e voltei...
Já é quase meia noite, eu estou com quase 35, estou aqui a pensar no que fiz ate agora, no tanto de coisas boas que já vivi e que ainda vivo e que se Deus me permitir ainda vou viver...

Me vejo hoje mais madura, ao mesmo tempo moleca, e as vezes perdida entre minhas vontades e meus desejos, sem saber se são certos ou errados...

Já passei por tantas coisas boas, coisas tristes, momentos que me fizeram sair de mim, principalmente quando me encontrei num lago imenso de escuridão chamado depressão. Acho que depois que me tratei eu me curei, eu acabei descobrindo o quando é especial viver e fazer aquilo que a gente gosta, com pessoas especiais, e que nos mostram o quanto somos importantes.

Graças a Deus eu hoje completo mais um ano de vida, e tenho muito o que agradecer, tive mais sorte do que juizo eu acho, mas graças a Deus nunca precisei fazer mal a ninguém, sempre fui uma pessoa transparente e que gosta de estar com pessoas, que gosta de se sentir especial e querida, muitas vezes sou dificil confesso, mas trato isso como traumas que não foram bem tratados e que as vezes ainda teimam em me perseguir...

As vezes dizem que eu espero demais das pessoas, mas eu acho que eu só espero que elas sejam mais parecidas comigo, que pensem como eu, que sejam simples, que queiram viver coisas boas e curtir a vida. Não gosto de pessoas que humilham e fazem mal as pessoas, principalmente as pessoas que não podem se defender...

Sou guerreira, justiceira, batalhadora, fiel, amiga, companheira, e quero mais uma vez dizer que estar hoje aqui, e escrever estas simples e sinceras palavras me fazem o bem danado.

Que Deus me permita, seguir fazendo tudo o que for melhor para as pessoas que eu amo, que eu possa sempre ter uma palavra de carinho, ou um abraço apertado para consolar quem precisar de mim.
Postar um comentário